1 de junho de 2010

Portas blindadas com menor custo e melhor acabamento

Segurança: empresa inova e lança linha padronizada de portas blindadas para residências com acabamento que tira o visual “pesado” de portas blindadas e se adapta a diversos ambientes e decorações.

 São Paulo, junho de 2010 – Antes, quando um morador procurava a blindar a porta de entrada de sua casa, por exemplo, existiam duas alternativas: ou era instalada uma porta blindada pintada, de acabamento grosseiro e sem sofisticação, ou um acabamento especial de madeira era feito sob medida por um marceneiro, o que muitas vezes dobrava o preço da blindagem.
Pensando em quem busca sofisticação por um preço mais justo, a Blindaço, empresa especializada em blindagem arquitetônica, acaba de lançar uma nova linha de portas blindadas, que trazem acabamentos nas cores branca, mogno, maple, teak e tabaco. O produto, que tem o custo inicial de R$ 5.500, chega ao grau máximo de blindagem autorizado no Brasil, o nível III, certificado pelo Ministério da Defesa.


Antes, as portas blindadas eram feitas sob medida, incluindo o acabamento. Se o construtor ou morador procurasse dar a passagem um ar mais natural, sem parecer um ‘cofre de banco’, precisaria ter o acabamento especialmente elaborado, o que encarece os custos de produção”, explica Carlos Monte Serra Barbosa, diretor da Blindaço. Diferentemente do que já existe, a nova linha de portas foi projetada para se enquadrar dentro dos vãos de porta padrão de mercado, ou seja, de 74 cm, 84 cm e 94 cm de largura por 2,10 m de altura. Com a estratégia, é possível realizar economia em escala na produção, reduzindo o custo para o consumidor final.

 
Com os quatro tipos de acabamento, o cliente pode escolher aquele que mais se adapta com a decoração de seu imóvel, garantindo homogeneidade ao ambiente e disfarçando o uso do material blindado, que passa a ser notado apenas com uma analise mais cuidadosa.

Resistência
No que se refere à segurança, a nova linha de portas segue os mesmos parâmetros dos outros produtos da Blindaço, incluindo três níveis balísticos: II - garante proteção contra invasão e resiste a uma pistola de 9 mm, III-A - resistência contra uma Magnum 44 e submetralhadoras de 99 mm - e III - protege contra disparos de um fuzil AR15 e FAL 7.62. Há ainda oito pinos de travamento na fechadura, que conta também com chaves com segredo multiponto, e quatro dobradiças de aço inox.

Sobre a Blindaço
Especializada na blindagem arquitetônica, a empresa já realizou grandes projetos, como a blindagem total do novo edifício-sede da Sulamérica Seguros e das bilheterias da CPTM. Entre os diferenciais da Blindaço estão o Certificado de Registro (CR) e o Título de Registro (TR) concedidos pelo Ministério da Defesa, que permitem a Blindaço fabricar, armazenar, transportar e comercializar blindagens dos níveis II, III-A e III, sendo este último o mais alto grau de blindagem permitido no Brasil, além da aprovação do laboratório norte-americano HP White, que é líder mundial na pesquisa, desenvolvimento e testes balísticos.
Única no País a fabricar blindagem opaca (aço) e transparente (vidro) sem depender de outros fornecedores, a Blindaço também desenvolveu o inovador concreto balístico, que garante blindagem no nível III para guaritas e outras áreas mais visadas.
__________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário