25 de agosto de 2010

Acordo une gigante alemã e indústria brasileira de equipamentos


A brasileira Piorotti assina acordo com a alemã Masa e trará equipamentos de grande porte para a produção de blocos no Brasil.
  
Os fabricantes brasileiros de blocos e pisos intertravados de concreto terão a oportunidade, a partir deste mês de setembro, de expandir sua capacidade produtiva de forma inédita no país para atender à demanda cada vez mais crescente por esses insumos por construtores de todo o país, nos mais diversos segmentos. É que neste dia 26 de agosto, a fabricante brasileira de máquinas e equipamentos para a produção de blocos e pisos intertravados de concreto Piorotti assina, na Concrete Show, acordo de cooperação técnica e comercial com a alemã Masa, maior produtora mundial de máquinas e equipamentos para a produção de pré-fabricados de concreto, há 105 anos no mercado. 
“O acordo com a Masa permitirá à Piorotti oferecer no Brasil máquinas e equipamentos de grande porte e tecnologia de ponta para a produção de pré-fabricados de concreto, atualmente só disponíveis no exterior”, explica o engenheiro Jorge Piorotti, diretor-presidente da Piorotti Tecnomecânica. A Piorotti oferecerá suporte técnico, comercial e de pós-venda aos equipamentos produzidos pela Masa, inicialmente importados, mas que deverão ser produzidos no Brasil, em breve. 
De acordo com seu diretor-presidente, a Piorotti atualmente tem capacidade de entregar, por ano, equipamentos que, somados, têm capacidade para produzir mensalmente 3 milhões de blocos de concreto de 14x29x39 cm, por turno de oito horas, medida-padrão do mercado. “Com o acordo, esta capacidade poderá dobrar facilmente”, compara. 
A meta da empresa é vender “fábricas Piorotti” com capacidade de produção de até 20 mil blocos de 14x29x39 cm por turno e “fábricas Masa” com capacidade produtiva de até 40 mil blocos de 14x29x39 cm por turno, que dispõem, entre diversos outros recursos, de sistema automático de troca de moldes. Pelo acordo, é possível entregar uma instalação Masa com capacidade para 40 mil blocos de 14x29x39 cm por turno em 90 dias, com mais 90 dias para montagem no cliente. 
“Com o crescimento exponencial da construção civil brasileira, os paradigmas mudaram: até dois anos atrás, uma fábrica com capacidade para produzir 20 mil blocos era considerada grande e havia poucas instalações desse porte no país. Agora, o mercado passou a demandar volumes maiores e, neste caso, aumentar a mão de obra, que também está em falta, não resolve. Aí entram as fábricas extragrandes e automatizadas, que produzem muito com pouca mão de obra, ou seja, elevam a capacidade produtiva e agregam valor ao negócio”, afirma Piorotti.

Sobre a Piorotti
A Piorotti, empresa brasileira especializada na fabricação de máquinas e equipamentos para a produção de blocos de concreto para alvenaria e pavimentação fundada em 1989, tem sede em Mesquita-RJ, conta atualmente com 120 funcionários e está investindo R$ 8 milhões na construção de nova fábrica em Duque de Caxias-RJ.
_____________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário