3 de setembro de 2010

Entrando na Dança

A última temporada da edição 2010 começará dia 10 de setembro com Arquitetura do Samba, de Andrea Jabor/Arquitetura do Movimento, no Teatro Armando Gonzaga, em Marechal Hermes (RJ).



"Cidadania não tem CEP e uma cidade maravilhosa precisa ser maravilhosamente cultural para todos" 
Nayse López e Eduardo Bonito

Será  a ultima temporada da edição 2010 do festival que reúne alguns dos melhores coreógrafos e bailarinos do Rio de Janeiro em espetáculos e oficinas. Uma nova chance para o público das zonas norte e oeste conhecerem a dança que é feita no Rio, desta vez no Teatro Armando Gonzaga, uma jóia modernista, em Marechal Hermes.

SOBRE ESPETÁCULOS DE SETEMBRO

Andrea Jabor / Arquitetura do Movimento 
Desde 2007 a diretora Andrea Jabor e sua companhia vêm pesquisando a dança e a cultura do samba sob uma ótica contemporânea. *Arquitetura do Samba pretende apresentar uma releitura da movimentação do mestre-sala e porta-bandeira de forma a desenvolver a tese de que esta dança constitui a arquitetura do movimento da dança clássica brasileira.  O foco coreográfico está em investigar as matrizes da dança do mestre-sala e da porta-bandeira, seu samba, e o jogo de improvisação e composição que acontece nas diferentes formas de dançar deste casal tão representativo do carnaval carioca e tão presente no imaginário da dança do povo brasileiro.
Esta atividade integra o Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna /2008 Parceria Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro e Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte.
Dias 10 e 11, às 19h. Duracão: 40 minutos | Classificação etária: Livre.
Concepção, coreografia e direção Andrea Jabor | Projeto Visual Ricky Seabra | Intérpretes criadores Agatha Oliveira, Claudia Ramalho, Luana Bezerra, Munique Mattos, Jacqueline Barbosa, Edney d´Conti | Participação mestre-sala Mestre Manoel Dionísio, Daniel e Hugo | Participação e orientação de porta-bandeira Luiza | Professor de mestre-sala e porta-bandeira Mestre Dionísio | Professora de dança e assistente Letícia Ramos | Desenho de Luz Tomás Ribas | Iluminação Ton Bernardes | Figurino a companhia | Fotografia Elisa Hugueney
Espalha pra Geral- Denise Stutz e Convidados 
Espalha pra geral é um espetáculo que trabalha com o imaginário infantil contemporâneo. Um jogo de cena entre dança e artes visuais que surge a partir de uma pesquisa de movimento, forma e invenção de narrativas feitas com crianças pelo Rio de Janeiro. Dos jogos de morte do videogame aos cruzamentos de pipas, das danças de rua à brincadeira de casinha, da TV ao celular, vamos nos inserindo e abstraindo este universo para junto ao público compartilharmos novos lugares.
Dia 16, às 15 e 19h.Roteiro, Texto e Criação Denise Stutz e Felipe Ribeiro. Duração: 40 minutos | Classificação etária: Livre
Dani Lima e convidados
Pequeno inventário de lugares-comuns é o resultado de um processo de colaboração entre alguns artistas a partir da proposta de fazer um inventário do cotidiano, dos gestos, objetos e ações ordinárias que normalmente passam desapercebidos na rotina do dia a dia. Uma investigação coreográfica sobre o universo das pequenas memórias que nos constituem diariamente, da poética do cotidiano.
O espetáculo será apresentado dias 17 e 18 de setembro, às 19h  Duração: 75 minutos | Classificação etária: Livre..
Criação e interpretação Dani Lima, Laura Samy, Paulo Mantuano, Vivian Miller | Ambientação João Modé | Música Felipe Rocha | Iluminação Renato Machado | Vídeos Paola Barreto e Lucas Canavarro | Assistência de direção Alice Ripoll | Dramaturgia | desenvolvida em colaboração Alex Cassal, Alice Ripoll, Dani Lima, Laura Samy e Vivian Miller | Concepção geral Dani Lima | Fotos Dalton Valério | Texto livremente adaptado de História de Cronópios e de Famas, de Julio Cortázar
Dança de Repertório | Cia. de Dança da Cidade
A Cia. de Dança da Cidade é um projeto de pesquisa sobre a história da dança contemporânea brasileira ligado ao Curso de Graduação em Dança da UniverCidade. Para este programa, foram escolhidas quatro peças que representam a versatilidade da dança carioca nas décadas de 70 e 80.
Danças de repertório
1 – Grupo Coringa, direção Graciela Figueroa: 45 movimentos (1980), Haydn (1976), Três minutos com a realidade (1980). Três peças curtas e emblemáticas do grupo alternativo e libertário que revolucionou a dança no Rio e deonde saíram vários grandes nomes da dança atual, entre eles Deborah Colker. (9 minutos)
2 – Nina Verchinina: Suíte Barroca (1973). A sonoridade barroca foi utilizada como ponto de partida para criar pequenas peças em que a relação entre música e dança é utilizada como fio condutor da obra. (9 minutos)
3 – Lia Rodrigues e João Saldanha: Catar (1987). Tem como ponto de partida a Parlenda, que são formas literárias tradicionais, rimadas com caráter infantil, de ritmo fácil e de forma rápida. (10 minutos)
4 – Vacilou Dançou, direção Carlota Portella: Minha América (1985). Parte do espetáculo América Ladina, um dos grandes sucessos da Vacilou Dançou, esta peça é um olhar sobre a estética do jazz dance, tão em voga nos anos de 1980 e tão importante para a história da dança da cidade do Rio de Janeiro. (10 minutos)
Dias 22 e 23, às 15h e 19h. Duração total: 60 minutos | Classificação etária: Livre
Direção artística Marise Reis e Roberto Pereira (in memorian) | Direção geral Marise Reis | Bailarinos Aline Nascimento, Ana Figueiredo, Flora Mariah, Isadora Couto, Karine Fernandes, Ligia Mariz, Mariana Barbosa, Marina Gayani, Renato Cruz, Thainá Moretti e Thiago Gomes | Coordenação Técnica Deise Calaça  www.univercidade.br/uc/cursos/graduacao/danca/companhia/index.asp

3 Pontos - Alex Neoral-Focus Cia de Dança
3 Pontos é a união de três espetáculos significativos da Cia Focus: Um a Um traz em sua essência a pesquisa de dois corpos que juntos geram novas possibilidades de movimento; Pathways teve como desafio unir trechos de diferentes trabalhos e mostrar a linha coreográfica desenvolvida pela companhia; Strong Strings mostra como o corpo é afetado pelas informações rápidas, imediatas, nervosas, que estimulam e definem os movimentos.
Dias 24 e 25, sexta e sábado, às 19h. Direção Artística e Coreografia Alex Neoral. Bailarinos :Alex Neoral, Clarice Silva, Carol Pires Marcio Jahu, Marisa Travassos, MônicaBurity Duração: 57 minutos

SERVIÇO
ENTRANDO NA DANÇA | SETEMBRO
Teatro Armando Gonzaga - Avenida Osvaldo Cordeiro de Faria 551, Marechal Hermes. Tel.: 21 2332-1040
Ingressos a preços populares: R$ 4,00 (inteira) e R$ 2,00 (meia-entrada). Censura Livre em todos os espetáculos.
Além dos espetáculos o ENTRANDO NA DANÇA oferece diversas oficinas artísticas gratuitas. Para se saber mais e se inscrever: http://www.entrando.panoramafestival.com/
*Fotos de Arquitetura do Samba - Paulo Lopes
________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário