17 de outubro de 2010

Glamour e aconchego marcam presença no Restaurante Casa Cor Brasília



Alexandre Milhomem, em sua estréia na Casa Cor Brasília, assina o restaurante que possui 330 m2 de puro requinte e sofisticação, aliado à excelente cozinha do I Maestri

*Espaço gastronômico, 
sob o comando do chef Rodrigo Sanchez,



atenderá ao público até o dia 17 de novembro de terça a domingo.



O arquiteto e designer de interiores 
** Alexandre Milhomem participa pela primeira vez da Casa Cor Brasília. Em sua estréia, o profissional assina o Restaurante, que possui 330 m2 de puro requinte, sofisticação, aconchego e glamour, aliado à excelente cozinha do I Maestri, sob o comando do chef Rodrigo Sanchez, que elaborou um cardápio especial para a 19ª edição da mostra. 
O Restaurante poderá ser percebido em dois espaços distintos: área interna e externa. A primeira abrigará 11 mesas, com capacidade para atender 64 pessoas. Já a área externa conta com mais 8 mesas, para atender a 16 pessoas. Ao todo, o Restaurante poderá receber confortavelmente 80 pessoas, incluindo cadeirantes. 
Este ano, o restaurante da Casa Cor Brasília foi inspirado e projetado de acordo com o conceito de arquitetura high tech industrial, já que o arquiteto utiliza uma estrutura metálica para abrigar o ambiente. O espaço faz alusão a duas tendências mundiais da arquitetura e do designer de interiores: o uso das variações da cor azul, que se manifesta não só no vestuário, como também na maneira de "vestir" residências e ambientes corporativos, e no mix perfeito entre os estilos de decoração. 

As cores predominantes do ambiente são: azul noite, prata, preto e detalhes em bordô. No Restaurante o mix será materializado em nuances do clássico - em razão das cores predominantes do ambiente - e do contemporâneo, por meio do uso do mobiliário em madeira de demolição, fornecidos pela Época Decorações, cujas poltronas foram revestidas por tecidos exclusivos disponibilizados pela loja Sílvia Heringer Decorações. Essa customização do mobiliário, de acordo com Milhomem, torna a maioria das peças do mobiliário em uma atração a parte. Segundo o profissional a miscigenação entre os estilos também é uma forma de resgatar as influências do homenageado da mostra: o arquiteto e urbanista Lúcio CostaA iluminação do ambiente trará traços da iluminação direta, indireta e da pontual, com destaque para quatro lustres em cristal, verdadeiras peças de decoração, que darão um charme a mais ao projeto luminotécnico do Restaurante, executado pela Interpam Iluminação. Outra peça de destaque do espaço é o tapete turco, uma peça tradicional que se transformou numa obra de arte moderna. O tapete da marca Bereket, que pode ser encontrado na Casa Mix, é uma composição de patchwork sem costuras, uma raridade nessa espécie de trabalho que alia também uma técnica diferenciada de tingir o tecido. Essa peça em especial passou pelo processo de neutralização da cor, ou seja, houve uma remoção completa de sua cor original para em seguida sobretingi-lo com corantes naturais e criar a cor notável que apresenta. Esse método de tingir é originado nos usos de técnicas muito antigas da tradição tibetana. O piso do ambiente será no granito levigado, um lançamento e uma exclusividade Marbrasa.
Serviço:
Evento: 19ª Casa Cor Brasília
Período: 8 de outubro a 17 de novembro de 2010
Special Sale: 16 e 17 de novembro
Horário: Terça a domingo – 12h às 22h
Local: 904 Sul – antiga sede da CEB – Asa Sul Brasília/DF

*Imagens do ambiente: Clausem Bonifácio  
**Imagem de Alexandre Milhomem: Sílvio  Simões
_________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário