30 de novembro de 2010

“I CONCURSO MOSARTE – MÃOS À ARTE”

Destinado a arquitetos, designers de interiores, artistas e estudantes universitários de qualquer nacionalidade, mas residentes no país, para desenvolver novos projetos de revestimentos de mosaicos. 


A Mosarte, fabricante de revestimentos especiais, porcelanato diferenciado e inovadora na elaboração de mosaicos no Brasil, promove o I Concurso Mosarte – Mãos à Arte. O objetivo da ação é atrair arquitetos, designers de interiores, artistas e estudantes universitários de qualquer nacionalidade, mas residente no país, para desenvolver novos projetos de revestimentos de mosaicos. 
As peças podem ser elaboradas com matérias-primas já utilizadas pela empresa, como metal, ardósia, pedra ferro, limestone, pedra brasileira, madrepérola, aço inox, espelho, mármore, concreto, madeira, ônix, vidro ou com elementos inovadores, mas que apresentem resistência e durabilidade.
Cada participante pode sugerir, no máximo, cinco projetos que deverão ser entregues até 16 de maio de 2011 via correspondência no endereço: BR 101, KM 162, Centro Tijucas - Santa Catarina CEP: 88200-000. Os 100 primeiros inscritos até 25 de março de 2011 serão presenteados com um catálogo Mosarte. Não serão aceitos produtos que já estão em linha por outras empresas ou que foram publicados ou premiados. 
Criatividade, design diferenciado, versatilidade (aplicação externa, interna, área seca e área molhada), rentabilidade (custo/benefício), uso diferenciado (aplicação em local inusitado) e sustentabilidade estão entre os critérios de avaliação do júri.
A cerimônia de premiação será realizada no showroom da Mosarte em São Paulo com data a definir e os vencedores participarão do evento com as despesas de transporte e acomodações quitadas pela empresa. O primeiro lugar receberá o troféu “I Concurso Mosarte – Mãos à Arte, prêmio no valor de R$ 6 mil, além de ter seu projeto publicado no site da Mosarte. A segunda e a terceira colocação serão congratuladas com certificado de participação e a quantia de R$ 3 mil e R$ 1 mil, respectivamente. Um diferencial válido para todos os candidatos, independente da classificação, é que alguns projetos podem ser selecionados e comercializados pela Mosarte.
As inscrições devem ser feitas pelo site gratuitamente no período que vai de 20 de novembro de 2010 a 16 de maio de 2011. O regulamento e outras informações também estão disponíveis no site em www.mosarte.com.br/concursomosarte. Em caso de dúvidas, os participantes têm uma opção interativa para esclarecimentos no twitter, o @ConcursoMosarte. 
BR 101, KM 162  Tijucas  Santa Catarina   Tel.: (48) 3345-3013
CEP: 88200-000
__________________________________________________ 

Acessórios modernos e artesanais na Art & Craft


A Camaleoa, marca mineira de artesanatos, estará na feira, com colares, gargantilhas, braceletes, tiaras, aneis e outros acessórios de vanguarda que incrementam qualquer visual.



Produtos diferenciados, confeccionados com materiais nobres, como couro, pedras preciosas, cobre, sementes e plumas, e fino acabamento são características da Camaleoa, que tradicionalmente só participa do Minas Trend Preview, e desta vez estará com seus artigos na Art & Craft com um importante diferencial: lá, os visitantes poderão comprar os acessórios, com preços convidativos.    


A expectativa dos organizadores é de que a feira, que dura 10 dias, receba cerca de 50 expositores vindos de todas as partes do Brasil e da Indonésia, Argentina, Índia, Filipinas e, dentre outros, Tailândia. Além de trabalhos em filigranas, eles vão vender bijuterias, roupas, objetos de decoração, acessórios, utilitários.
                                                                                                              
                                                 Braceletes
       
Serviço
3 a 12 de dezembro de 2010
Centro de Exposições da FIEP
Avenida das Torres, 1341
Curitiba / Paraná
Das 14 às 21 horas

A reserva dos últimos estandes vagos para a feira deverá ser feita por email para:elizabeth@funproducoes.com/ artcraft@artcraft.com.br ou pelo telefone: (41)3205-9868

Por uma economia verde


Novo modelo de economia será discutido entre representantes do Brasil e do Mundo.

Com ênfase para ações que promovam a Economia Verde, a Campanha UK Know How, do Reino Unido, é um dos destaques no evento, em São Paulo
 Empresários, empreendedores, investidores, representantes de órgãos públicos e da sociedade civil do Brasil e do mundo estarão reunidos, entre os dias 30 de novembro e 03 de dezembro de 2010, no auditório da Fecomercio - Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo, na capital paulista, para discutir um novo modelo de economia e de desenvolvimento para o país, a chamada Economia Verde. Trata-se da 1ª Bolsa Internacional de Negócios da Economia Verde - BINEV. 
O evento foi formulado para discutir projetos e ideias, mas principalmente para fomentar novos negócios e aproximar a iniciativa privada do Governo na transição de uma economia insustentável para uma economia de baixo carbono. 
Realizada pela Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo (SMA), o evento conta com a parceria do Consulado Geral Britânico e vem ao encontro dos objetivos da Campanha UK Know How – Liderando a Transição para uma Economia de Baixo Carbono -, desenvolvida pelo Reino Unido, considerado, junto com o Brasil, uma das lideranças no movimento por uma economia mais verde. A Campanha UK Know How é composta por uma série de eventos, como debates, seminários e feiras, dentro de setores econômicos que contribuirão para a transição do Brasil para uma economia de baixo carbono. A Campanha UK Know How tem o propósito de colocar as capacibilidades de baixo carbono do país em “toda a economia” ao alcance de compradores e investidores internacionais. 
Organizado em quatro partes – Conferência Internacional, Bolsa de Negócios, Governo de Portas Abertas e exposições -, segundo a SMA, durante os quatro dias da 1ª Bolsa Internacional de Negócios da Economia Verde haverá palestras, mostras de tecnologias, mostras de casos de sucesso e bolsa de negócios sobre os temas: agricultura e florestas, construção civil sustentável, energias renováveis, indicadores para economia verde, instrumentos econômicos, saneamento ambiental, tecnologias verdes, transportes sustentáveis e turismo. 
O evento contará com mais de 100 palestrantes. Entre eles, Luc Bas, do The Climate Group (TCG), director of European Programmes; e Nick Hayes, diretor internacional do BRE - The Building Research Establishment. Estarão presentes também Scott Thompson, ministro adjunto da Divisão de Políticas Legislativas e Planejamento do Ministério dos Transportes de Ontório; Mark Lundell, do Banco Mundial; Michael Renner, Worldwatch Institute, entre outros. 
Mais informações sobre o evento estão disponíveis no site: http://www.ambiente.sp.gov.br/economiaverde/
_________________________________________________________________

29 de novembro de 2010

Em Curitiba, lançamento do telefilme GEADA NEGRA

Documentário premiado no edital de 2008 do PRÊMIO ESTADUAL DE CINEMA E VÍDEO DO PARANÁ retrata um dos episódios mais dramáticos da história do estado.


Nesta segunda-feira (29), no Auditório do Museu Oscar Niemeyer - MON, em Curitiba, exibição do documentário de Adriano Justino que retrata as consequências da geada que destruiu os cafezais paranaenses na década de 70, alterando os rumos econômicos e sociais do estado.
No inverno de 1975 os habitantes de Curitiba ficaram deslumbrados com a neve que caiu sobre a cidade. Apesar de bonito, o fenômeno meteorológico trouxe consigo um efeito catastrófico, destruindo todos os cafezais do estado, que até então tinha sua economia dependente da produção de café. Este episódio, que ficou conhecido como “Geada Negra” dá nome ao novo documentário de Adriano Justino, que terá sua primeira exibição em 29 de novembro, segunda-feira, às 20 horas no auditório do Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba. A entrada é franca.
“Todo o café dizimado”. Esta foi a triste manchete dos jornais paranaenses do dia 18 de julho de 1975, um dia após a ocorrência da maior geada de que se tem notícia no Brasil. O fim dos cafezais resultou, ao longo dos anos seguintes, em um dos maiores êxodos populacionais ocorridos no Brasil e um dos maiores do mundo ocorridos em tempos de paz.
No hall do MON, na frente do auditório, haverá exposição de fotos do fotógrafo João Urban, exposição de matérias de jornais da época e serviço de café do Lucca Café aos convidados.

Data: 29 de novembro - segunda-feira - 20h
Local: Auditório do Museu Oscar Niemeyer
__________________________________________________

Exposição “John Graz” no MON em Curitiba


Mostra reúne cerca de 180 peças inéditas de um dos mais influentes artistas plásticos.

John Graz ficou conhecido como arquiteto de interiores, criador de móveis futuristas e introdutor do estilo art déco no Brasil.

A partir do dia 9 de dezembro os curitibanos poderão conferir uma exposição inédita no Museu Oscar Niemeyer (MON), que reunirá cerca de 180 peças de um dos mais influentes profissionais das artes plásticas, designer e arquitetura do século XX, John Graz (1891-1980). Com o título “John Graz”, a mostra tem o objetivo de apresentar a visão do artista sobre a terra que escolheu para viver.
John Graz nasceu em Genebra na Suíça e ingressou em 1911 na Escola de Belas Artes, atual Haute École d´Art et Design. Depois de trabalhar com a produção de cartazes publicitários e vencer vários concursos, chegou ao Brasil em 1920 trazendo suas influências das vanguardas européias, e aqui permaneceu, absorvendo a cultura do seu novo país. Por isso, a exposição possui a temática brasileira e seus diferentes estilos em que foram produzidos. 
O destaque fica por conta das obras criadas pelo artista durante os vários anos em que viveu no Brasil. O público terá contato com estudos, cadernos de viagem e esboços, por meio de desenhos modernistas do artista. Cenas da arquitetura brasileira, viagens, festas e paisagens, flora e fauna,  o homem e o trabalho. O Brasil de John Graz traz uma diversidade de técnicas e temas relacionados à visão modernista de um país tropical. 
Com curadoria compartilhada entre a arquiteta e produtora cultural Consuelo Cornelsen, da Planeta Brasil, o curador e especialista em John Graz, Sérgio Pizoli e o pesquisador e colecionador de mobiliário Sérgio Campos, a exposição irá fundo nas obras do mestre moderno, reunindo significativas peças, que vão desde pinturas, como a Chegada ao Brasil, Bandeirante, Menino com Caranguejos, Un miau tout simple, Medaillé, entre outras, além das peças de mobiliário moderno como cadeiras, poltronas e sofás. 
Para Pizoli, Graz “fez do desenho artístico uma atividade permanente, elaborando séries de estudos que, muitas vezes, não chegaram a ser executados em tela ou mural, mas têm o requinte formal de obra acabada. Seu trabalho plástico retoma o desenho clássico, incorpora a iconografia brasileira, assume e difunde as influências modernistas”, diz. 

                                   Imagem para ilustração
Outro traço marcante no trabalho de John Graz é a sua relação com o movimento. As personagens de suas pinturas e desenhos estão sempre realizando alguma ação, por exemplo, os índios caçam, os cavalos galopam, os homens guerreiam, navegam ou simplesmente agem. 
Já de acordo com Campos, o artista “procurou, dentro do espírito moderno, integrar as diversas manifestações da arte em seus projetos, e ficou conhecido como arquiteto de interiores, criador de móveis futuristas e introdutor do estilo art déco no Brasil. Na verdade, John Graz é muito maior que qualquer uma dessas definições”, explica, já que o artista conseguiu unir arte, arquitetura e design em uma única linguagem plástica. 
Consuelo complementa que “o sensível artista John Graz adquiriu uma multiplicidade de talentos. Ele pinta a realidade com uma essência emotiva, cenas que ele retrata a partir de seu interior. Desenhava como se escrevesse um poema, ao qual poderia ser lido em cada traço”, diz. 
A exposição permanece no MON até o dia 3 de abril de 2011 na sala Guignard. 
Sobre John Graz 
Suíço radicado no Brasil desde 1920 traz para o cenário das artes brasileiras as influências renovadoras dos movimentos europeus do século XX. Após sua formação artística na Escola de Belas Artes de Genebra, onde cursou Arquitetura, Decoração e Desenho, viaja para Espanha. Suas obras lá produzidas impressionam Oswald de Andrade que o convida a participar da Semana de Arte Moderna 1922, ao lado de nomes como Anitta Malfatti, Di Cavalcanti e Vicente do Rego Monteiro. É um dos fundadores da Sociedade Pró Arte Moderna (SPAM) e participa do Clube dos Artistas Modernos (CAM). Em 1925, inicia suas atividades como arquiteto e designer de interiores, dedicando-se por quase quarenta anos a este segmento profissional. 
Faleceu em 1980, aos 89 anos, deixando um acervo, ainda hoje inédito, com desenhos, estudos, plantas baixas, cadernos de viagem e de anotações, aos cuidados de Annie Graz, sua segunda esposa. Este acervo encontra-se, atualmente, sob a guarda do recém-fundado Instituto John Graz, presidido por Annie Graz. Mais informações pelo site www.institutojohngraz.org.br. 
Serviço
Quando: De 9 de novembro a 3 de abril de 2011.
Onde: MON – Museu Oscar Niemeyer (Rua Marechal Hermes, 999, Centro Cívico, Curitiba)
Horário de atendimento: De terça-feira a domingo das 10h às 18h.
Ingressos: R$ 4 (inteira) e R$ 2 (estudantes identificados). Compra de ingresso até 17h30.
Informações ao público: (41) 3350-4400
 
____________________________________________________

Oeste Formas agiliza e reduz custos na obra da Escola Técnica Federal de Brasília


Empresa ultrapassa cinquenta obras na cidade e prevê crescimento de 60%.
Referência na produção de formas e escoramentos para a construção civil, a Oeste Formas fornece formas de alumínio e sistemas de escoramentos para a obra da Escola Técnica Federal de Brasília, na Asa Norte, em Brasília. Os produtos da Oeste Formas garantem a agilidade e produtividade necessárias para a obra que começou em outubro e vai terminar em janeiro de 2011. A filial da Oeste em Brasília, que tem sede em Cuiabá, é a mais antiga e já forneceu matéria-prima para mais de cinquenta obras na capital federal, nos últimos três anos. Para 2010, a empresa espera um crescimento de 60% na região, em relação ao ano passado.
Para a obra da Escola Técnica Federal de Brasília, a empresa alugou cerca de 600m² de formas constituída por painéis de alumínio para a Construtora Engefort construir os reservatórios da escola, sendo um elevado à 30m de altura e outro semi-enterrado com um espelho d’água. O administrador da Oeste Formas, Rodrigo Felício, afirma que a vida últil das formas de alumínio é de mil utilizações, o que permite um reaproveitamento sucessivo do material, garantindo alta produtividade.
Segundo Rodrigo, devido ao seu baixo peso, a agilidade que as formas de alumínio oferecem é muito alta, sendo que a montagem e desmontagem das formas são feitas à razão de 0,3 hora/homem/m², e não exigem mão-de-obra especializada. Ele  explica ainda que o sistema facilita o trabalho de armazenagem, transporte e manutenção, diminuindo sensivelmente os custos dessa operação, devido à estrutura e design das chapas.
Além desse material, para complemento, a Oeste Formas também alugou escoras, torres metálicas e seus respectivos acessórios necessários para o escoramento das formas de alumínio. Rodrigo Felício explica também que o sistema de escoramento da Oeste Formas proporciona velocidade para as obras porque são leves, uma vez que fabricados em tubos de aço de alta resistência e fáceis de montar. “Os produtos que oferecemos para escoramento adaptam-se sem limitações a qualquer tipo de terreno, possibilitando um nivelamento perfeito e extremamente rápido através do ajuste fino de rosca”, comenta. 
A Oeste Formas
A Oeste Formas desenvolve sistemas de formas e escoramentos para construção civil há mais de 30 anos e está presente em sete Estados (Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais, Ceará, Maranhão, Rondônia, Amazonas), além do Distrito Federal. Neste ano, a empresa importou com exclusividade ao Brasil, uma solução inovadora de escoramento norte-americana: O HV Titan. É um sistema mais completo, em que as estruturas são montadas em alumínio e de forma mais inteligente, com encaixes que otimizam a execução da obra.
_______________________________________________

Bacacheri ganha novo centro comercial


Via Colleghi abre nesta segunda (29), em Curitiba, e  comemora a inauguração com uma semana de atrações.

O Via Colleghi Centro Comercial preparou uma semana especial para a abertura ao público. De segunda-feira a sábado, 29 de novembro a 4 de dezembro, haverá uma programação variada no horário de funcionamento do espaço, das 9h às 19h. Entre as atrações estão música, palhaço, teatro de fantoche, distribuição gratuita de pipoca e algodão doce, show de mágicas cômicas e espaço da criança, com piscina de bolinhas, camarim de pintura e cama elástica.
O Via Colleghi é um projeto concretizado pelos empresários Natal Rodolfo Donadel e Mauro Gonçalves de Souza conta com 75 estabelecimentos comerciais e de serviços, e amplo estacionamento divididos em 3.800 m². “Queremos que este espaço valorize ainda mais o bairro. Investimos em variedade de negócios, visual e estilo para quem busca um ambiente diferenciado sem precisar ir para o centro da cidade”, afirma Donadel.  
De acordo com o diretor comercial do Via Colleghi, Anderson Poletto, o centro comercial, apresentará um novo mix de produtos e serviços para a região e gerará cerca de 400 empregos diretos e 1.200 indiretos. “O Bacacheri é um bairro com potencial de crescimento e mesmo que tenha vida própria, percebemos a carência de um espaço como este”, considera Poletto.
O novo empreendimento trará algumas novidades. O diretor comercial revela que o Via Colleghi terá a primeira franquia da Super Ótica São José Contará também com outras marcas de destaque, como a Prata Fina (joias em prata), Dooplex Jeans, sorvetes Bob’s e Unika – artigos para viagem, bolsas e acessórios, e nomes de referência, como a esteticista Sueli Nogueira, entre outros. “Já na primeira semana esperamos um movimento de cerca de três mil pessoas por dia”, aponta Poletto.
O estacionamento terá serviço de manobrista e cerca de 400 vagas rotativas para automóveis, motocicletas e bicicletas.
Serviço
Horário de funcionamento: de segunda-feira a sábado, das 9h às 19h. 
Local: acesso para pedestres pela Avenida Prefeito Erasto Gaertner, 113 e pela Rua Nicarágua, 160.
Entrada para automóveis: Avenida Prefeito Erasto Gaertner, 113.
Informaçõeswww.viacolleghi.com.br 
Programação
- De 29 de novembro a 4 de dezembro:
– Espaço da criança com camarim de pintura, cama elástica e piscina de bolinhas, das 10h30 às 18h30.

- Dia 29 de novembro (segunda-feira):
         - Abertura com fogos de artifício, às 9h;
         - Homem perna de pau, das 9h às 11h;
         - Banda de sopro e percussão, das 10h às 12h e das 17h às 19h;
         - Homem sombra, das 16h às 18h;
         - Distribuição gratuita de algodão doce, das 10h30 às 18h30. 

- Dia 30 de novembro (terça-feira):
         - Palhaço – trabalho com bexigas, das 10h30 às 18h30;
         - Distribuição gratuita de pipoca, das 10h30 às 18h30.

- Dia 1º de dezembro (quarta-feira):
         - Homem perna de pau, das 14h às 16h;
         - Banda de sopro de percussão, das 17h às 19h;
         - Distribuição gratuita de algodão doce, das 10h30 às 18h30.

- Dia 2 de dezembro (quinta-feira):
         - Homem estátua viva, das 14h às 16h;
         - Palhacinha com malabares em fita, das 16h às 18h;
         - Distribuição gratuita de pipoca, das 10h30 às 18h30.

- Dia 3 de dezembro (sexta-feira):
         - Show de mágicas cômicas, às 15h30;
- Banda de sopro e percussão, das 17h às 19h;
- Distribuição gratuita de pipoca, das 10h30 às 18h30.

- Dia 4 de dezembro (sábado):
         - Banda de sopro e percussão, das 10h às 12h;
- Teatro de fantoches, às 14h30;
- Homen sombra, das 15h30 às 17h30;
- Distribuição gratuita de pipoca e algodão doce, das 10h30 às 18h30.
_____________________________________________

27 de novembro de 2010

Parceria: Atelier Hugo França e o Parque do Ibirapuera

Neste sábado, serão inauguradas duas peças feitas pelo Atelier a partir do reaproveitamento de árvores mortas: Lúdica Teia e o Banco Ibirapuera.






www.hugofranca.com.br
_____________________________________________________________

A arte da filigrama na Art & Craft

A feira de artesanato vai exibir trabalhos em filigrama em sua segunda edição, a partir de 3 de dezembro em Curitiba/PR


A filigrama é um trabalho artesanal minucioso que consiste em compor figuras, peças, joias e outros com o entrelaçamento de fios de ouro, prata e outros materiais bem fininhos. A palavra deriva do latim: filumm significa fio e granum quer dizer grão. 
A Art & Craft vai abrigar vários expositores que trabalham com filigramas, inclusive a empresa Bali Dreams, da Indonésia, que elaborou um passo a passo simplificado do trabalho: 
    
                                                 
Fazer fios de prata  
      



Criar padrões              






Preencher padrões com os fios de prata     






                             Limpar e polir as joias
                                                                                                             

A expectativa dos organizadores é de que a feira receba cerca de 50 expositores vindos de todas as partes do Brasil e também da Indonésia, Argentina, Índia, Filipinas e, dentre outros, Tailândia. Além de trabalhos em filigramas, eles vão vender bijuterias, roupas, objetos de decoração, acessorios, utilitários. 
Serviço
3 a 12 de dezembro de 2010
Centro de Exposições da Fiep
Av. das Torres, 1341
Curitiba / Paraná
Das 14 às 21 horas

A reserva dos últimos estandes vagos para a feira deverá ser feita por email para:elizabeth@funproducoes.com/ artcraft@artcraft.com.br ou pelo telefone: (41)3205-9868

Eletrodoméstico tem que ter sempre a mesma cara?


Trocando de roupa: Brastemp PLA tem painéis frontais que podem ser trocados, rompendo com o padrão de uso convencional dos eletrodomésticos. 

O produto vem com três placas para personalização – desenhadas exclusivamente pelas marcas Cavalera e Iódice e a estilista Gisele Nasser.

Vestido preto, jeans com camiseta ou saia e alcinha? Foi-se o tempo que dava para mudar somente o próprio visual. Agora, até a decoração da casa pode variar, de acordo com o humor, a criatividade e as visitas. Quem disse que o eletrodoméstico tem que ter sempre a mesma cara? Por que não ter uma inspiração que o mude e o deixe assiiim...uma Brastemp?

O minirrefrigerador Brastemp PLA representa todo o estilo do consumidor com painéis frontais que podem ser trocados, rompendo com o padrão de uso convencional dos eletrodomésticos. O produto vem com três placas para personalização – desenhadas exclusivamente pelas marcas Cavalera e Iódice e a estilista Gisele Nasser.


O consumidor também pode adquirir outras placas para seu PLA no www.brastemp.com.br. No site, estão disponíveis modelos da estilista Isabela Capeto, outras estampas da Cavalera e de motivos infantis. 
Além de bonito e prático, o produto possui congelador, prateleiras multiuso, porta garrafas com separador, gaveta de frutas e gaveta para armazenar garrafas long neck. Preço sugerido: R$ 1.499.
____________________________________________

Empreendimento de alto padrão movimenta Itu


O Bhotanica Itu faz parte do projeto de expansão da Apoena Imóveis e da Carmel Marketing de levar empreendimentos de alto padrão às cidades do interior de São Paulo.


                                               Imagem ilustração

A cidade de Itu acaba de receber mais um empreendimento de alto padrão, o Bothanica Itu, localizado na Rodovia Marechal Rondon, no km 116. O lançamento oficial do empreendimento ocorrerá neste sábado, dia 27/11, a partir das 11 horas da manhã. No espaço, os convidados poderão desfrutar as delícias que são servidas no Bar do Alemão, tradicional restaurante de Itu e reconhecido pelo seu filé à parmegiana.  
Os sócios no empreendimento Alexandre Cardoso, Apoena Imóveis e Durval Paulo, Carmel Marketing e Investimentosestarão presentes para recepcionar os empresários da região e os interessados em retirar dúvidas ou adquirir os loteamentos. 
Já estão confirmadas as presenças do prefeito de Itu, Herculano Castilho Passos Júnior, de José Luiz Gandini, presidente da Kia Motors no Brasil e de Fábio Gandini, proprietário do Itusão, entre outras empresas em Itu, como a Gandini Corretora de Seguros e proprietário do terreno onde o empreendimento está sendo construído, além do proprietário do Bar do Alemão, Hebert Steiner. 
O projeto Bothanica Itu foi concebido para garantir segurança e lazer para os seus futuros moradores e conta com um parque central, playground, piscinas, quadra de tênis, campo de futebol, espaço fitnnes, redário, salão de jogos, lounge, espaçogourmet e cozinha caipira.  
Lançamento Bothanica Itu
Sábado, dia 27, a partir das 14 horas
Endereço: Estrada Municipal Itu-433
Informações (11) 3829-6109
__________________________________________________