19 de janeiro de 2011

Revista Arquitetura & Aço tem como tema o Metrô

O uso do aço é fator determinante no sistema construtivo dessas obras.


Acaba de ser lançada mais uma edição da revista Arquitetura & Aço, publicação trimestral do Centro Brasileiro da Construção em Aço (CBCA). A edição 24 da revista tem como tema o Metrô, um dos principais meios de transporte público das grandes cidades do mundo. No Brasil, as capitais têm investido pesado na ampliação e construção dos sistemas metroviários. As novas estações inauguradas em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre, por exemplo, são modernas e imprimem ares de cidadania e sustentabilidade em seus projetos, apresentados na revista. 
Projetos das estações da Linha 2 – Verde (Alto do Ipiranga e Vila Prudente) do Metrô de São Paulo contaram com o aço como elemento fundamental. Além de promover o uso de eficientes técnicas construtivas nas novas estações, o material impulsiona inovações arquitetônicas em sintonia com o conforto dos usuários. A Linha 4 (Butantã, Pinheiros, Faria Lima, Paulista, República e Luz) também tem em sua arquitetura o uso do aço, presente em várias partes da obra. Um dos destaques é o aço inox utilizado na fachada da Estação Butantã. A Estação Largo 13, em São Paulo, foi a primeira estação ferroviária construída em aço no Brasil e tornou-se uma referência importante da arquitetura em aço. 
Em entrevista à Arquitetura & Aço, Ilvio Silva Artioli, um dos maiores especialistas em obras metroviárias do país, fala sobre a atual expansão da malha metroviária paulistana e comenta os principais desafios e mudanças de paradigmas desta empreitada. “Há inúmeras vantagens na adoção da tecnologia do aço, mas a principal é o ganho de tempo para a conclusão das etapas”, comenta Ilvio. 
No Rio de Janeiro, uma passarela com estrutura em aço que liga a Estação Cidade Nova do Metrô carioca à Prefeitura da cidade se destaca na paisagem pelos grandes vãos em arco. Já no bairro de Ipanema, a população recebeu a moderna estação General Osório, que tem como destaque a estrutura em tubos de aço que cobre a entrada da estação. 
Em Porto Alegre, o projeto de expansão da Linha 1 do Metrô possui entre as  inovações para as estações, uma superestrutura em aço, formada por segmentos de arcos e telhas metálicas galvanizadas, e iluminação zenital. 
Na Europa, os destaques são as estações Lerthe, em Berlim, com uma arquitetura filigranada, composta basicamente por estruturas em aço e vidro, e do Oriente, em Lisboa, com um átrio único de grandes dimensões recoberto por um conjunto estrutural de aço e vidro, com pilares em forma de árvore. 
A Arquitetura & Aço é uma publicação trimestral do CBCA e integra as ações promovidas para difundir conhecimentos técnicos sobre o uso do material na construção civil industrializada. A revista tem distribuição gratuita em bibliotecas de faculdades de Arquitetura de todo o país. A 24ª edição da publicação oficial do CBCA, bem como as edições anteriores, já está no ar para download gratuito na área Biblioteca do site www.cbca-iabr.org.br. 
Site do Centro Brasileiro da Construção em Aço (CBCA)www.cbca-iabr.org.br
_________________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário