16 de junho de 2011

Da censura musical ao cinema de Hitchcock e ao clássico da dramaturgia Cyrano de Bergerac

Para todos os gostos: destaques da programação do Centro Cultural Banco do Brasil- Rio de 21 de junho a 04 de julho de 2011.
Estréia


Cale-se – A Censura Musical - 30 de junho a 10 de julho



A MPB Calada – parte 1 – com Fátima Guedes e Zé Luiz Mazziotti - 30/06
Uma homenagem à história da música popular brasileira e à contestadora classe artística que sofreu enorme repressão nos tempos da ditatura. Centenas de letras deixaram de ser conhecidas pelo público e muitas sofreram cortes ou foram alteradas, pelos próprios compositores, para driblar a censura. Quinta a Domingo – 19h.

Em Cartaz


CINEMA
Hitchcock -  até 14 de julho


Retrospectiva completa com a exibição de 54 longas-metragens, 2 curtas, 2 filmes complementares além dos trabalhos feitos para televisão (127 episódios em séries de suspense.) A mostra inclui desde filmes mudos, do início da carreira a grandes clássicos. Complementam esta homenagem, atividades e eventos especiais: curso de 12 aulas e debate.


EXPOSIÇÃO


FOTORIO 2011 Eu me desdobro em muitos – a autorrepresentação na fotografia contemporânea - 31 de maio a 10 de julho



Em parceria com a Maison Européenne de la Photographie, de Paris, a mostra apresenta 69 obras físicas de sete artistas brasileiros e 14 estrangeiros, dentre os mais importantes autores da vanguarda da fotografia no campo da arte contemporânea no mundo. Complementam a mostra uma seleção de cinco vídeos curtos e interativos, com curadoria de Jean-Luc Monterosso, Diretor da MEP, e ainda a instalação “Estereoscopia”

do carioca André Parente.
Teatro
Cyrano de Bergerac
– até 31 de julho



Escrito por Edmond Rostand em 1897, o clássico texto francês conta a história de um cadete apaixonado por sua prima e que, devido ao seu nariz comprido, julga-se feio e desmerecedor de seu amor. Com a direção de João Fonseca, a peça traz Bruce Gomlevsky, Julia Carrera, Sérgio Guizé, Gaspar Filho, Gustavo Mello, Glaucio Gomes, entre outros. De quarta a domingo – 20h.


O Bosque

Texto inédito no Brasil do norteamericano David Mamet, um dos mais importantes dramaturgos contemporâneos. A história gira em torno de um casal, diante da sua evidente incapacidade de comunicação entre si e com o mundo. Com direção de  Alvise Camozzi, a peça traz no elenco Cristine Perón e Bruno Kolt. De Quarta a domingo – 19h30
Centro Cultural Banco do Brasil
Rua Primeiro de Março, 66
Centro – Rio de Janeiro - RJ
CEP 20010-000
www.bb.com.br/cultura

twitter.com/ccbb_rj
_________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário