12 de julho de 2011

Brasileiros investem no mercado imobiliário em Miami e já respondem por cerca de 10% dos negócios.

Crise econômica nos EUA e valorização do real estimulam a venda de apartamentos na cidade norte-americana. 


                                                     Foto André Penner (viajeaqui.abril.com.br)

Os brasileiros estão entre os principais compradores de imóveis no atual boom de investimentos em Miami. A crise econômica nos EUA e demais países do Hemisfério Norte, e a valorização do real frente ao dólar têm levado investidores a buscar apartamentos e casas na paradisíaca cidade da Flórida.
O momento é excelente para quem busca oportunidades de negócio e um lugar para as férias”, explica o corretor Jeremias Rodrigues, diretor da Jeremias Rodrigues Imóveis de Alto Padrão, que desde março opera em Miami. A queda de preços é sazonal e em breve os valores retomarão o patamar pré-crise de 2008”.
Segundo a Associação dos Corretores de Imóveis da Flórida, o mercado em Miami cresceu 70% no primeiro semestre de 2011, em comparação com o mesmo período do ano passado. Hoje os brasileiros já são responsáveis por cerca de 10% dos negócios fechados em Miami, atrás apenas de canadenses e venezuelanos. “Os brasileiros que antes desembarcavam na cidade em busca de roupas e aparelhos eletrônicos agora têm condições de comprar um apartamento na cidade”, diz Rodrigues.
Foto guiatimeout.com.br


O negócio pode ser feito sem o comprador sair do Brasil, por meio de uma procuração a um representante na Flórida. Após o contato com o vendedor, é possível fechar o contrato no Brasil, ou ir pessoalmente aos EUA para conhecer a propriedade com a orientação de um profissional fluente na língua portuguesa. “Há opções de imóveis residenciais, como casas de férias e para temporadas, além de imóveis comerciais, que são considerados ótimos investimentos pelos compradores”, explica Rodrigues.
O direcionamento dos investimentos imobiliários para os EUA é motivado principalmente pela valorização do real ante o dólar, de pelo menos 45% desde 2008, e pelo aquecimento da economia brasileira, que amplia o volume de recursos disponíveis para investimentos. Também contribui para isso o encarecimento dos imóveis no Brasil. Em São Paulo e Brasília, os preços de imóveis registraram alta média de 25% no ultimo ano. No Rio, a alta chega a 44%.
Miami é um dos destinos preferidos dos turistas nos EUA em busca de suas praias. É também um importante do centro de negócios. Anualmente, a cidade recebe cerca de 38 milhões de visitantes. Cerca de 400 mil brasileiros deverão visitar a Flórida apenas em julho. Em comparação com 2006, os preços dos imóveis na cidade estão 51% mais baixos, de acordo com a agência de classificação de risco Standard & Poor's.
Hoje é possível adquirir um imóvel em Miami a partir de R$ 300 mil. O comprador precisa fazer um depósito de 10% do valor total para garantir a reserva. Outra vantagem são os juros cobrados no financiamento imobiliário, a partir de 3% ao ano, bem abaixo da média do mercado brasileiro. O imposto de propriedade – espécie de IPTU local - é de aproximadamente 2% sobre o valor de venda, ao ano.
Sobre a Jeremias Rodrigues
A Jeremias Rodrigues Imóveis de Alto Padrão tem escritórios nas cidades de Taubaté e Pindamonhangaba, no Vale do Paraíba, em São Paulo. No início deste ano, a empresa fechou uma parceria com a World Realty Real Estate, uma das maiores imobiliárias da Flórida, para oferecer imóveis em Miami ao mercado brasileiro.
_________________________________________

Um comentário:

  1. realmente vale a pena apostar nesta maravilhosa cidade dos estados unidos da america

    ResponderExcluir