3 de agosto de 2011

“Sangre de mi Sangre nos Jardins Imaginários do Rio de Janeiro”


Uma perturbadora exposição de artes plásticas, na qual Luiz Arthur Montes Ribeiro retrata a experiência traumática vivida por ele no Rio de Janeiro, em dezembro de 2006, quando traficantes assaltaram o ônibus em que estava e jogaram  coquetel molotov no veículo.


"Os passageiros pularam das janelas do ônibus e na fuga, Luiz Arthur teve várias fraturas, além de graves lesões, o que lhe custou seis cirurgias até agora, além de um longo tratamento fisioterápico".

Uma exposição das obras do artista Luiz Arthur Montes Ribeiro promete atrair um público considerável ao Museu de Arte de Cascavel (MAC) a partir do dia 09 de agosto. Trata-se de “Sangre de mi Sangre nos Jardins Imaginários do Rio de Janeiro”uma perturbadora exposição de artes plásticas, em que o artista retrata a agonia vivida por ele, quando em visita pelo Rio de Janeiro, em dezembro de 2006, traficantes tomaram de assalto o ônibus em que ele estava, deixando-o aprisionado dentro do veículo, juntamente com os demais passageiros. Após o ônibus ser tomado de assalto, os traficantes fizeram vários disparos e, em seguida, jogaram um coquetel molotov no interior do veículo. Sem alternativa, os passageiros passaram a pular as janelas do ônibus. Na fuga, Luiz Arthur teve várias fraturas, além de graves lesões, o que lhe custou seis cirurgias até agora, além de um longo tratamento fisioterápico. 
“Sangre de mi Sangre nos Jardins Imaginários do Rio de Janeiro” é uma combinação atordoante de pinturas, desenhos, objetos, instalações e poemas do artista poeta. Os trabalhos apresentados nessa exposição são muito diferentes dos feitos pelo artista itapoaense até então. Conhecido por usar uma linguagem minimalista, com tendência ao tropicalismo, agora ele trabalha em técnica mista sobre tela, utilizando-se de colagem e fixação de objetos em uma obra única. O artista também utilizou de seu próprio sangue e seu esperma para finalizar as obras, acreditando que isto é o que ele tem de mais puro em seu corpo e é a marca das obras.
Durante a realização da exposição, haverá apresentações contínuas de um vídeo de arte e áudio. No mesmo ato, Luiz Arthur estará lançando suas Caixas de Poesias, que são pequenas caixas de papelão adornadas por sobreposições e colagens feitas pelo próprio artista, que guardam em seu interior poesias contando esse episódio de sua vida. 

Sobre o Artista 


Luiz Arthur Montes Ribeiro nasceu em 05 de novembro de 1959 na cidade de Ponta Grossa (PR). Viveu e trabalhou em Curitiba (PR) de 1981 a 2006. Desde 2007, vive e trabalha em Itapoá (SC). É graduado em Letras – Português/Inglês pela Universidade Tuiuti do Paraná, pós-graduado em Artes Plásticas pela Faculdade de Artes do Paraná e Mestre em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná. 
Em Ponta Grossa, recebeu orientação de Sidney Mariano (pintura), e em Curitiba, de Maria Ivone Bergamini (desenho) e Susane Cequinel (pintura). Fez sessões de pintura com Edilson Viriato. No Paraná, exerceu várias atividades públicas e privadas. Entre elas, foi Diretor Administrativo da Associação Profissional dos Artistas Plásticos do Paraná, e do Conselho de Cultura do Paraná. Foi também Conselheiro do Conselho de Educação do Paraná, além de ter sido Curador de dois importantes espaços de Arte no Estado. Em Itapoá, tem seu próprio Ateliê de Arte e Literatura, e sua Galeria de Artes. É Presidente da Academia de Letras do Brasil para Santa Catarina Municipal Itapoá e ocupa a cadeira de número 13 da Academia de Letras do Brasil para Santa Catrina. Tem vários livros publicados. Já participou de exposições coletivas no Paraná, Santa Catarina e São Paulo. Expôs individualmente em várias cidades do Paraná e Santa Catarina, além de São Paulo (SP); João Pessoa (PB) ; Madri (Espanha) e Maputo (Moçambique). 
Acompanhe o blog de Luiz Arthur Montes Ribeiro, digitando http://luizarthurarteegastronomia.blogspot.com/

Serviço
A Exposição dos trabalhos do artista Luiz Arthur Montes Ribeiro será no Museu de Arte de Cascavel (MAC), que fica na Rua Mato Grosso, nº 2.909, no Centro de Cascavel (PR). As obras ficarão expostas das 09h00min às 12h00min e das 13h30min às 17h30min do dia 10 de agosto ao 15 de setembro de 2011. A abertura será às 09h00min do dia 09 de agosto. Mais informações diretamente com o Museu de Artes de Cascavel, pelo telefone (45) 3902-1370.
Texto Thiago Gusso e imagens de Neusa Lopes (BISTRÔ DAS ARTES BARRA DO SAY) .
_______________________________________________


2 comentários:

  1. Obrigado pela divulgação.
    Grande abraço
    Luiz Arthur Montes Ribeiro

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito do seu trabalho, vc deveria trazer a exposição para Curitiba. Sucesso!!!

    ResponderExcluir