14 de outubro de 2011

O que vai pelo mundo: Gerhard Richter na Tate Modern, em Londres







Abrangendo quase cinco décadas, e coincidindo com o aniversário de 80 anos do artista alemão, "Gerhard Richter: Panorama" é uma grande retrospectiva que reúne momentos significativos de sua carreira notável.
Até 08 de janeiro de 2012.




Desde 1960, Gerhard Richter mergulhou em uma exploração rica e variada de pintura. "Gerhard Richter: Panorama" destaca toda a extensão da obra do artista, que abrangeu uma ampla gama de técnicas e idéias. Ele inclui pinturas realistas com base em fotografias, coloridas abstrações gestuais,  retratos, paisagens e pinturas sutis história.
Pinturas históricas
Gerhard Richter foi um dos primeiros artistas alemães a refletir sobre a história do nacional-socialismo, criando pinturas de famílias que tinham sido membros, bem como das vítimas, do partido nazista. Continuando o seu interesse histórico, ele produziu de 1977 a 1988, uma sequência de pinturas em preto e branco com base em imagens do grupo Baader MeinhofRichter continuou a responder a momentos significativos da história ao longo de sua carreira, a última sala da exposição inclui uma pintura do ataque terrorista ao World Trade Center em Nova York em 2001.

Amantes da beleza épica de Rothko , Twombly e Hodgkin tem muito o que apreciar, bem como aqueles que apreciam o retrato marcante ou a precisão cristalina do fotorrealismo.
Nicholas Serota : Diretor of Tate é o co-curador da exposição
Gerhard Richter: Panorama é organizado
pela Tate Modern (Londres), em associação com Nationalgalerie, Staatliche Museen zu Berlin e Centro Pompidou, Paris
 http://www.tate.org.uk/modern/exhibitions/gerhardrichter/

___________________________________________________


Nenhum comentário:

Postar um comentário