5 de outubro de 2011

Por que não pensei nisso antes??? Chique é ser criativo!


Banco de bambu
Pneus reutilizados se transformam em um balcão; canetas esferográficas são empregadas para a confecção de uma luminária e sombrinhas também; saquinhos de chá usados compõem a moldura de um espelho; e embalagens de doces de festa e folhas de bananeira revestem as paredes.

                                                      * Projeto de iluminação


Conteiner transformado em bilheteria e no espaço da Caixa (fotos acima)

MOSTRA MORAR MAIS MENOS - CURITIBA APOSTA NO CONSUMO CONSCIENTE
Em sua quinta edição, evento apresenta soluções criativas e inovadoras levando em conta a questão ambiental.

Hall principal - tronco de árvore é mesa de centro

Nas mãos dos profissionais da Morar Mais por Menos “O chique que cabe no bolso”, pneus reutilizados se transformam em um balcão; canetas esferográficas são empregadas para a confecção de uma luminária; saquinhos de chá usados compõem a moldura de um espelho; e embalagens de doces de festa e folhas de bananeira revestem as paredes. Estas e muitas outras ideias criativas e que incentivam o consumo consciente estão na quinta edição da mostra de decoração, que já se consolidou com o conceito de mesclar ambientes acessíveis, sofisticados e sustentáveis.

De bicicleta, paga menos


O evento acontece em Curitiba entre os dias 06 de outubro e 15 de novembro, em um imóvel no bairro São Francisco. Este ano, a mostra vai incentivar o uso da bicicleta como forma de diminuir o impacto ambiental causado pela utilização de carros e minimizar os engarrafamentos. Há um bicicletário no local, e quem visitar a mostra utilizando esse meio de transporte paga apenas metade do valor da entrada. “A ideia é estimular as pessoas a adotarem esse meio de locomoção, que é mais econômico, saudável e limpo”, explicam os arquitetos Francisca Cury e Léo Pletz, licenciados locais da Morar Mais.
Outro destaque é que a casa está 80% adaptada, com elevadores especiais, para permitir e facilitar o acesso de pessoas com deficiência física, dificuldades de locomoção e de idosos. 

O conceito adotado este ano é o de Condomínio Clube, assim é possível apresentar inúmeros tipos de moradia, desde os espaços mais compactos, como apartamentos de 20 m², até os mais amplos, como casas de 200 m². Os visitantes poderão conhecer soluções para ambientes residenciais, comerciais e corporativos, além de paisagismo. No total, serão 58 ambientes assinados por mais de 90 profissionais locais. 
A transparência e o respeito aos consumidores são outros pontos da Morar Mais que têm conquistado os visitantes. Em todos os ambientes, existe um quadro descrevendo detalhadamente os itens utilizados na decoração, com o respectivo fornecedor e preço.
Sobre a Morar Mais por Menos
Nascida no Rio de Janeiro, a Mostra Morar Mais por Menos está presente em Curitiba, Salvador, Brasília, Goiânia, Cuiabá e Belo Horizonte. Seu conceito inovador atrai um número cada vez maior de visitantes. A mostra cativa por apresentar soluções que tornam o design de interiores mais acessível e criativo. Além disso, a Morar Mais aposta na brasilidade, valorizando o artesanato local e utilizando apenas nomes em português para seus ambientes.
Serviço
Mostra Morar Mais por Menos “O chique que cabe no bolso”
Data: De 06 de outubro a 15 de novembro
Local: Rua Kellers, 520 - esquina com a Rua Martin Afonso - Bairro São Francisco
Horário de funcionamento: De terça à sexta-feira, das 15h às 21hSábados, das 14h às 21hDomingos e feriados, das 13h às 20h
Valor do ingresso: R$ 24,00 – Meia entrada: R$ 12,00 (maiores de 60 anos, estudantes e para quem for de bicicleta) – Assinantes da Gazeta do Povo: R$ 18,00
*Atenção
Nos próximos dias, vou detalhar alguns ambientes e dar crédito aos fotógrafos. Como são muitos os profissionais envolvidos, farei uma lista de todos que participaram.
____________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário