7 de outubro de 2011

Semana D : Design to Business trouxe a Curitiba o fundador da Senz°, Philip Hess

Philip Hess
13ª edição do evento promovido pelo Centro de Design Paraná em parceria com o C2i apresentou o case do guarda-chuva para tempestades.

O Centro de Design Paraná, em parceria com o Centro Internacional de Inovação da Fiep (C2i), promoveu nesta quinta-feira (6) a 13ª edição do Design to Business, evento paralelo a Semana D. Empresários e profissionais de design puderam conferir o case do guarda-chuva para tempestade, uma inovação em design criada pelo pelos holandeses da Senz°, que foi apresentado pelo fundador e diretor de marketing da empresa, Philip Hess. O evento foi realizado no Cietep e contou com a presença do diretor do C2i, Filipe Cassapo, e da diretora do Centro de Design Paraná, Letícia Gaziri.
Com muito bom humor, Hess contou a história de um produto que inovou no design e agregou valor a algo simples que é usado no mundo todo: o guarda-chuva. “Ainda na faculdade, eu perguntei ao meu atual sócio o que ele pretendia fazer como trabalho de conclusão de curso. Ele me respondeu que queria resolver um problema de milhares de pessoas: criar um guarda-chuva que resistisse a fortes ventos”, lembrou Hess que hoje, cinco anos após, já vendeu 2 milhões de unidades do produto a um custo final de 50 euros (dez vezes mais caro do que o preço comum de mercado para o produto).
O guarda-chuva para tempestade impressiona pelo design diferenciado e, principalmente, pelos vídeos de testes realizados pelos criadores. “Não imaginávamos que essa inovação daria tão certo em tão pouco tempo. Desenvolvemos um produto e fizemos centenas de testes. Quando chegamos ao modelo considerado ideal, enfrentamos o primeiro grande obstáculo, onde e quanto produzir com apenas 2,5 mil euros”. Foi então que eles decidiram ir ao país que produz um bilhão de guarda-chuvas (99% da produção mundial), a China. “Todos achavam que era loucura produzir algo novo no país que mais copia produtos no mundo. Ainda assim nós produzimos na china o primeiro lote, com 9 mil peças que foram vendidas em 9 dias. Outra surpresa, pois acreditávamos que levaria meses para liquidar esse lote”, relata.
Design inovador
Para o diretor executivo do Centro Internacional de Inovação da Fiep (C2i), Filipe Cassapo, o design é uma ferramenta fundamental para a competitividade do setor produtivo. O case apresentado pelo Philip Hess aqui na Fiep deixa claro que é a inovação faz toda a diferença e agrega valor a qualquer  empreendimento, e que o design é um instrumento de suma importância para a inovação de produtos, dos mais simples aos mais complexos”, destaca.
O Design to Business aconteceu dentro da Semana D, evento que, segundo a diretora do Centro de Design Paraná, Letícia Gaziri, foi pensado nos moldes europeus de seminários de design. “Essa é a primeira edição da Semana D, mas acima de qualquer pretensão, nosso objetivo é democratizar o design e mostrar a estudantes, empresários e aos próprios profissionais do setor o quanto é possível inovar e, com isso, agregar valor ao produto”, finaliza.
A Semana D tem realização da prodesign>pr, Centro de Design Paraná, C2i e SESI PR. O evento teve início no dia 2 de outubro e termina no sábado (8) com um bate papo bastante brasileiro sobre design regado a samba e feijoada.
 _________________________________________________________________
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário