29 de outubro de 2012

Cinco de Cordas no projeto Música de Câmara em Jacarezinho (PR)

MÚSICA DE CÂMARA - CINCO DE CORDAS - 30/10 - 20H - CAT - ENTRADA FRANCA


O Projeto Música de Câmara, realizado pelo Sistema Fecomércio Sesc Paraná, apresenta uma série de concertos que buscam agregar conhecimento e valorização da cultura musical brasileira. A música do Brasil, rica e diversificada quanto a estilos, gêneros, ritmos e formas, precisa ser ouvida e conhecida em seu contexto, bem como os seus compositores. Comprometido com a temática de apresentar, exclusivamente, obras de compositores brasileiros, o desenvolvimento do Projeto Música de Câmara prevê dois momentos de integração com a comunidade. Além dos concertos proporcionados ao público em geral, que estreita a relação entre desenvolvimento musical e desenvolvimento intelectual, são realizados concertos didáticos para escolas agendadas, aproximando a música brasileira das crianças e adolescentes. A somatória desses dois momentos contribui de forma significativa para o conjunto de ações desenvolvidas pelo Sesc com vistas à formação de platéia. Vale ainda ressaltar que a opção de desenvolvimento de um projeto musical camerístico, visa o incentivo de novas práticas e novos hábitos de apreciação musical, pois as apresentações acontecem em caráter intimista, essencialmente acústico que valorizam a pureza do som e a qualidade das obras e de seus intérpretes.

SOBRE O GRUPO
Cinco de Cordas

O s, vem democratizar a música de Curitiba , tornando popular e divertido até os mais eruditos dos repertórios. Formado por um grupo de artistas que não tem medo de palco, de humor ou de teatro, seus concertos são sempre imprevisíveis e, portanto inesquecíveis! Nos violinos, Marcos de Lazzari e Martina Lohman, na viola Leila Tascheck, no violoncelo Pericles Gomes e no contrabaixo Kiko Vargas. Nesta serie de eventos conta com a participação do violinista e compositor Alexandre Brasolim de Magalhães. O grupo teve inicio a partir da convivência destes músicos dentro da Orquestra de Câmara da PUCPR. Atuam desde 2008, tendo realizado dezenas de apresentações no Parana e Santa Catarina. Já se apresentaram nos municípios de Curitiba, São Jose dos Pinhais, Toledo, Maringá e Londrina, alem de Joinville, Brusque, Jaraguá do Sul entre outras cidades. Também atuam regularmente na Universidade Positivo. Já gravaram especiais para a Redevida  brasileira de televisão. O Cinco de Cordas serve de base para  apresentações com o Maestro e Pianista João Carlos Martins quando das suas apresentações no sul do Brasil. Também realizaram diversos concertos em São Paulo, bem como concertos em eventos e congressos no Rio Grande do Sul. O grupo também serve de base para a recém lançada Curitiba Sinfônica, que grava este ano o primeiro DVD da serie compositores paranaenses: Uma homenagem ao Henrique de Curitiba. A qualidade dos músicos individualmente se multiplica quando atuam juntos, pois existe uma empatia muito grande entre os seus componentes.  O repertório é variado e eclético, com incursões dentre os clássicos mais populares, mas também dos populares mais clássicos.

Marcos De Lazzari – Violino      

Natural de Curitiba iniciou seus estudos musicais em 1988, aos cinco anos, tendo concluído o curso intermediário de flauta-doce sob a orientação de Plínio Silva e o curso intermediário de violino com Walter Hoerner na Escola de Música e Belas Artes do Paraná (EMBAP). Graduou-se Bacharel em Violino em 2006 na Escola de Música e Belas Artes do Paraná (EMBAP) e, em 2008, concluiu a pós-graduação lato sensu em Música com ênfase em Música de Câmara (EMBAP). Continua seus estudos sob a orientação dos professores Paulo Bosísio e Marco Damm. Freqüentou master-classes com os professores David Taylor (EUA), Domenico Nordio (Itália), Elisa Fukuda (Brasil-SP), Olé Bonh (Noruega), Mariana Salles (Brasil-RJ), Betina Stegmann (Brasil-SP). Tocou sob a regência de importantes Maestros, tais como: Roberto Tibiriça, John Neschling, Roberto Duarte, Osvaldo Ferreira e Hans Peter Frank. Participou de várias edições de Festivais de música em Cascavel(PR), Curitiba(PR) e Juiz-de-Fora(MG). Em 2006 foi finalista do Concurso Furnas Geração Musical, participando de recitais no Rio de Janeiro, Goiânia e Curitiba. Trabalhou como professor auxiliar especialista de violino e matérias teóricas da Universidade Estadual de Maringá (UEM) de 2007 a 2010. Atua junto à Orquestra de Câmara da PUCPR como violinista, arranjador e coordenador, também como músico convidado da Orquestra Sinfônica do Paraná. Trabalha ativamente com música de câmara, integrando o Quarteto de cordas Pantalla, Grupo Curitibano que desenvolve além de projetos didáticos, concertos em várias cidades brasileiras, tendo em seu repertório a preferência por composições nacionais.
         
Martina Lohmann – Violino       

Graduada em violino na classe de Roberto Hübner e Pós-graduada em “Análise e Música de Câmara” pela escola de Musica e Belas Artes do Paraná, é natural de Jaraguá do Sul/SC e iniciou seus estudos ao violino com seis anos de idade. De 1996 a 2003 foi aluna, em São Paulo, de Elisa Y. Fukuda e posteriormente de Lavard Skou Larsen, professor do Conservatório Mozarteum, em Salzburg/Áustria. Em 2006 foi orientada durante três meses por Nicolas Groubeix em Lyon/ França e em 2008 concluiu na Suécia o curso Interpretation for Foreign Students oferecido pela Göteborgs Universitet sob orientação de Øyvor Volle, Roger Johansson e Björn Sjögren com quem iniciou seus estudos de viola. Com 12 anos obteve 1º colocação primeiro ciclo e prêmio melhor do de intérprete das “Melodias de Cecília” no “XII Concurso Jovens Instrumentistas” da Escola de Música de Piracicaba e Sociedade da Cultura Artística de Piracicaba-SP. Foi finalista do “Concurso Jovens Solistas da OER” (2002) recebeu como prêmio a oportunidade de solar no Teatro Municipal de São Paulo com a Camerata da Orquestra Experimental de Repertório de São Paulo; vencedora do “Concurso Jovens Solistas da OER” (2003) recebeu como prêmio a oportunidade de solar com a Orquestra Experimental de Repertório/SP. Ainda em 2003 recebeu carta de recomendação da Secretaria do Estado da Cultura de São Paulo pelo seu destaque no 34º Festival de Inverno de Campos de Jordão, onde atuou como spalla. Integrou orquestras e cameratas: Orquestra Experimental de Repertório/SP, Jazz Sinfônica do Estado/SP, Orquestra Sinfônica da USP/SP, Orquestra Juvenil da UFPR, Camerata Fukuda/SP,Camerata da PUC/PR, Camerata da OER/SP, SNOA-Swedish Nacional Orchestra Academy e Salzburg Chamber Soloists com atuações na Holanda, Alemanha Suécia e Itália. Atualmente integra o corpo de violinistas da Camerata Antiqua de Curitiba, ministra aulas particulares de violino e musicalização infantil.

Leila Cristina Tascheck – Viola

Natural de São Bento do Sul, SC. Iniciou seus estudos de violino com o professor Ludwig Seyer. Concluiu o Bacharelado em Música - Violino pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná; Mestrado em Música - Violino e Viola pela Indiana University South Bend; Pós Mestrado em Música - Violino pela University of Notre Dame e Artist Diploma pela Indiana University South Bend. Teve como principais professores de violino e viola: Walter Hoerner, Cecília Guida, Aaron Berofsky, Jessica Thompson, Chung Park e Carolyn Plummer. Participou de master-classes com Adam String Trio, Chester String Quartet e Emerson String Quartet. Também participou de vários festivais de música, tais como Oficina de Música de Curitiba, Encontros Nacionais e Internacionais Suzuki, Spoleto Festival (Carolina do Sul) esteve na lista de músico substituto da renomada New World Symphony de 2001 a 2004. Sua vasta experiência camerística e como musicista de orquestra lista participações nas principais orquestras do sul do Brasil, diversas orquestras do meio-oeste  Norte-Americano (onde em várias ocasiões atuou como spalla), e em turnês na Europa e Argentina. Lecionou em diversas escolas tais como Escola de Música e Belas Artes do Paraná, Goshen College, Culver Academies, Suzuki of Michiana, e University of Notre Dame.  Foi vencedora do Concurso Jovens Solistas da IUSB Philharmonic em 1996 e 1998. Desde 2007 de volta ao Brasil, tem sido convidada para participar de vários grupos musicais, com atuações no Paraná, Santa Catarina, Bahia, Ceará, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, em apresentações com renomados solistas tais como Toninho Ferragutti, Andrea Bocelli, José Carreras e João Carlos Martins. Atualmente é violinista da Orquestra de Câmara da PUC-PR, violista do Quinteto Cinco de Cordas e Spalla dos II violinos da Orquestra Sinfônica do Paraná.


Pericles Varella Gomes - Violoncelo       

Natural de Curitiba, Violoncelista de âmbito internacional. Participou de apresentações na
Europa e Estados Unidos, alem da America Latina. Iniciou seus estudos musicais aos seis anos (piano) e aos 10 anos escolheu o seu instrumento definitivo: O violoncelo. Já participou de centenas de orquestras sinfônicas e grupos cameristicos. Alguns mais importantes: Primeiro violoncelista e fundador da Sinfônica do Parana (Teatro Guaira), Sinfônica da Bahia (fundador), Orquestra Sinfônica da Michigan State University, Trio Ravello (Itália), Orquestra de Câmara da PUCPR (fundador e atual coordenador acadêmico), Escola do Teatro Bolshoi do Brasil (único brasileiro a tocar na orquestra do Teatro Bolshoi em Moscou), Orquestra de Câmara de Blumenau, Tour pela Europa em 1989, Orquestra Sinfônica de Jackson, tour pelos EUA em 1992, onde residiu por 11 anos
(Michigan). PhD. em Educação, atualmente é Professor da PUCPR e da Universidade Positivo, alem de ser professor visitante da Michigan State University.

Kiko Vargas – Contrabaixo

Eliezer Alves de Vargas nasceu em Telêmaco Borba, interior do Paraná, onde iniciou seus estudos musicais tendo como professor o Sr. Leonardo,  um amigo da família. Estudou violão clássico e saxofone, partindo para o contrabaixo elétrico aos 13 anos. Aperfeiçoou os estudos de teoria musical com o Prof. Cezar Silva, maestro da banda local. Mudou para Curitiba em 1993, a fim de cursar Engenharia Florestal, curso que concluiu em 1999. Enquanto estudava engenharia, conheceu o contrabaixo acústico, tendo como mentora a Profª. Maria Helena Salomão. A prática em orquestra começou na Igreja Assembléia de Deus, logo após, ingressou na orquestra Juvenil da UFPR. Em 2000 foi convidado a participar da Orquestra de Câmara da PUC-PR. Atuou como musico convidado na Orquestra Sinfônica do Paraná por cerca de oito anos, até ser contratado pela mesma. Trabalhou com diversas orquestras e corais, entre elas: Orquestra Filarmônica de Jaraguá do Sul, Orquestra de Câmara de Blumenau, Orquestra Bachianas Brasileiras (Maestro João Carlos Martins), Coral Itaipu, Coral Champagnat (PUC-PR), Orquestra Balé Bolshoi Brasil. Realizou vários trabalhos com musica de câmara no Paraná, Santa Catarina, São Paulo, e outros. Participou da Tour 2008 do tenor italiano Andrea Bocelli, e da tour 2011 do tenor espanhol José Carreras. Participou de varias aulas e masterclass tendo professores como: Milton Masciadri (EUA), Alexandre Ritter (RS), Mauricio Silva (SP), Antonio Arzolla (RJ), Sandrino Santoro (RJ), Jeff Braddetich (EUA). Estuda atualmente com a Profª. Maria Helena Salomão atua como contrabaixista da Orquestra Sinfônica do Paraná, da Orquestra Curityba Symphony, Orquestra de Câmara da 3ª IEQ e é membro fundador do Quinteto Cinco de Cordas. É professor no projeto social da Igreja Batista, dando aulas para crianças e pré-adolescentes carentes e membros da igreja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário